Mais de 20 ativistas pelos animais são presos após protesto pacífico em SP


Após protesto pacífico em frente ao prédio da Assembleia Legislativa de SP nesta segunda (09), 22 ativistas acabaram presos e conduzidos para a 27ª delegacia policial, no Bairro do Campo Belo.

Os ativistas faziam uma manifestação artística na rampa do local onde representavam os bois que sofrem com o transporte marítimo em apoio ao Projeto de Lei 31 que, se sancionado, proibirá a exportação de animais vivos.

O ativista George Guimarães, da ONG VEDDAS, relata que na intervenção artística eles sujaram o chão de guache e barro mas haviam também levado vassouras e água para limpar o local. Ele também diz que na finalização do ato eles foram cercados e detidos:

“quando a polícia chegou a gente começou a limpar e aí trancaram o lugar que a gente invadiu e a gente não pode continuar limpando.”

Ainda segundo o ativista, eles foram acusados por pichação e na delegacia foi feito um Termo Circunstanciado de Ocorrência onde responderão por um processo. Os ativistas foram liberados após 3 horas na delegacia.

Confira abaixo fotos da manifestação e da prisão dos manifestantes, além do vídeo com a explicações do ativista George Guimarães:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s