Fundador da Impossible Foods afirma que em breve as melhores ‘carnes’ serão à base de plantas e revela objetivo global


Nesta terça (23), o fundador e CEO da empresa Impossible Foods, Pat Brown, fez uma declaração otimista – e ousada – em texto afirmando que nos próximos anos as melhores ‘carnes’ serão à base de plantas. Confira a tradução de um trecho do artigo chamado “A missão que nos motiva” que foi publicado na plataforma Medium (link):

“Nos próximos anos, a melhor carne de porco, o melhor frango, o melhor peixe, queijo e ovos que o mundo já viu serão feitos diretamente das plantas, usando o know-how e as ferramentas que a Impossible Foods está desenvolvendo hoje. A maior realização que tivemos até agora é que a substituição do uso de animais como tecnologia dominante para a produção de carne, peixe e produtos lácteos é inevitável e ocorrerá em breve. Na próxima década, todos os alimentos que recebemos hoje de animais começarão a ser substituídos por homólogos baseados em plantas que os superam em todos os aspectos que importam aos consumidores – gosto, nutrição e valor – e em sustentabilidade.”

Além disso, em outros trechos do texto, Pat Brown se comprometeu nas próximas décadas levar seus produtos para outros lugares, atestando uma missão global para a empresa:

“A Impossible Foods começou em 2011 com um objetivo ambicioso: reduzir drasticamente o impacto destrutivo da humanidade no meio ambiente global, substituindo completamente o uso de animais como tecnologia de produção de alimentos. Pretendemos realizar esta missão dentro de duas décadas criando os alimentos, peixe e produtos lácteos mais deliciosos, nutritivos, acessíveis e sustentáveis ​​diretamente das plantas.”

Em outro trecho o CEO reforçou seu objetivo e se comprometeu em uma campanha por um mundo sustentável através da hashtag #MakeEarthGreatAgain:

“[…] somos uma empresa do planeta. Nosso verdadeiro “produto”, a medida pela qual determinamos o sucesso, é um planeta próspero para as gerações futuras.

A Impossible Foods começou no Vale do Silício, na Califórnia, mas nossa casa é a Terra, e nossa missão é global. Nosso impacto dependerá do desenvolvimento de cadeias de suprimentos locais e instalações de produção e permitir que empresários e agricultores locais criem seus próprios negócios usando as ferramentas que estamos desenvolvendo. Pretendemos concentrar-se fortemente em alavancar a eficiência inerentemente maior de alimentos à base de plantas para criar alimentos de mercado em massa que abordem os críticos desafios nutricionais e de segurança alimentar nas comunidades mais pobres do mundo.”

Sabemos que tecnologias melhores tendem a substituir as que ficam defasadas, e Pat Brown, atestando seu compromisso no ramo alimentício, acredita que os produtos à base de plantas podem em pouco tempo acabar com a exploração animal, mas e você leitor, o que pensa sobre isso: ele está muito otimista ou é possível que ocorra rapidamente?


Sobre a Impossible Foods

A Impossible Foods Inc. é uma empresa de tecnologia alimentar, baseada no vale do silício, que tem como missão reduzir o impacto ambiental da pecuária e a exploração animal oferecendo produtos alternativos aos de origem animal.

Nos últimos anos ela vem desenvolvendo carnes e leites à base de plantas, tendo como seu principal produto o Impossible Burguer, hambúrguer vegetariano que ‘sangra’. Isso só foi possível após uma extensa pesquisa em nível molecular sobre produtos de origem animal, que permitiu a descoberta da principal substância que dá sabor à carne, a molécula chamada heme. Esta molécula também está presente em produtos de origem vegetal, o que possibilita a produção de produtos com sabor e cheiro idênticos ao de carnes, mas com o benefício de causar menos impacto.

Segundo, Pat Brown, seu hambúrguer à base de plantas é, por diversos motivos, melhor que o tradicional:

“O Impossível Burguer requer aproximadamente 75% menos de água e 95% menos terra, e gera cerca de 87% menos gases de efeito estufa do que um hambúrguer convencional de vacas. E enquanto ele tem ferro e proteína, o Impossível Burguer é produzido sem usar hormônios ou antibióticos e não contém colesterol.”

O produto inovador trouxe investidores gigantescos como Bill Gates e a Google, dando boa visibilidade ao negócio que tem crescido rapidamente. Desde o ano passado, após a fase de lançamento do hambúrguer vegetal – e de seu sucesso -, a Impossible Foods passou a produzi-lo em larga escala e entrou em plano de expansão para ter eles comercializados em diversos restaurantes interessados em todo o país, para isso fechou parceria com um gigantesco distribuidor de alimentos dos Estados Unidos, e por fim, atestou que mira o mercado global.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s