Restaurante Nattú erra no cardápio, falta com profissionalismo e gera polêmica


O restaurante Nattú de comida natural e orgânica, localizado na região do Jardins em São Paulo, se envolveu em polêmica com veganos esta semana.

No último domingo, a vegana Renata Morita e seu namorado estiveram presente no estabelecimento e pediram uma sobremesa com selo V, destinado à produtos que não tem nada de origem animal, e portanto, aptos para veganos, no entanto, por curiosidade resolveu questionar a composição da receita, os garçons averiguaram e veio a surpresa: o sorvete oferecido no cardápio continha leite.

Tentando resolver o mal-entendido o restaurante deu 2 sobremesas de cortesia. Segundo a cliente, ambos se sentiram ofendidos, afinal ela e o namorado são alérgicos e passaram mal após consumir o produto. Renata afirma que após o ocorrido entrou em contato com a dona do estabelecimento que tratou com descaso a situação, e constatou que o restaurante estava ciente do erro e culpou a gráfica, ao invés de dar um aviso no próprio cardápio, por isso foi às redes sociais e tornou pública sua manifestação.

Após o apoio de diversas outras pessoas à cliente, e uma enxurrada de comentários negativos – alguns que inclusive foram deletados nas redes sociais – o restaurante emitiu uma nota de esclarecimento com sua posição sobre o ocorrido:

Tivemos um mal-entendido no qual uma cliente vegana foi ao nosso restaurante e solicitou uma de nossas sobremesas. A mesma não continha leite mas o sorvete que acompanha sim, porém em nosso cardápio a sigla VG (vegetariano) saiu como V (vegano). Entendemos do problema e gravidade do erro, isso já foi solucionado com o ajuste no cardápio e o pedido de novas impressões. Quem nos conhece ao longo destes quase 3 anos de funcionamento, sabe da nossa responsabilidade com todos os nossos públicos e buscamos ao máximo atende-los e acima de tudo respeitá-los. Nossa maior missão é trazer uma alimentação saudável e consciente acima de tudo.
Pedimos desculpas pelo ocorrido e continuaremos com o propósito de levar comida de qualidade e que atendenda a todos os públicos.”

A nota porém não convenceu a todos e aponta um erro de gestão e falta de profissionalismo, primeiro por colocar pessoas alérgicas em risco, segundo por desrespeitar as pessoas que se abstém da crueldade animal e terceiro por não ter atendido ao alerta de forma imediata tendo-o tratado com irrelevância.

Que a repercussão sirva de alerta ao restaurante – e à outros – e exija mais preparo, afinal, um pequeno erro pode causar um grande estrago, ainda mais quando se trata de um restaurante que diz prezar pela saúde e que é liderado por uma nutricionista.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s