Eduardo Bolsonaro incentiva lei que regulamenta o uso de equinos em rodeios e vaquejadas no Brasil


Assim como seu pai Jair Bolsonaro, o também político Eduardo Bolsonaro está defendendo rodeios e vaquejadas. No último domingo (16), Eduardo fez uma postagem em seu twitter defendendo um projeto de lei que visa regulamentar esportes equestres no país inteiro, isto é, que o uso de cavalos em vaquejadas e rodeios seja nacionalmente permitido. Veja abaixo o vídeo:

“Somos defensores do esporte equestre e estamos aqui para encontrar por meio de leis, maneiras que asseguram a prática esportiva e o bem-estar dos animais. Colocamos no ano passado, na Constituição a questão dos rodeios e das Vaquejadas. Falta regulamentar essa emenda Constitucional. Vamos fazer um projeto ou decreto para que nosso presidente Jair Bolsobaro, defensor da vaquejada e dos rodeios regulamente a lei de 2020 e assim, ninguém poderá argumentar irregularidades na justiça. A Vaquejada, rodeio e a cultura sertaneja vai ser protegida”, disse Eduardo, segundo o Jornal Leia Agora.

Um dos articuladores para a aprovação da lei que permitirá esportes com animais, é o deputado federal, Nelson Barbudo (PSL), que disse “Nós queremos ver as crianças laçando e respeitando os animais, uma ideia contraditória.

Defensores das práticas dizem que os animais não são mau-tratados, o que é o contrário do que disse o Conselho Nacional de Medicina Veterinária em 2016, afirmando que a prática da vaquejada é intrinsecamente ligada aos maus-tratos animais, pois “o gesto brusco de tracionar violentamente o animal pelo rabo pode causar luxação das vértebras, ruptura de ligamentos e de vasos sanguíneos, estabelecendo lesões traumáticas com o comprometimento, inclusive, da medula espinhal” e que “o impedimento de fuga de uma ameaça exacerba reações límbicas de ansiedade, medo e desespero. Ainda que o sofrimento físico pudesse ser evitado, a exposição de um animal a uma situação tida por toda a história evolutiva de sua espécie, como a mais grave ameaça à vida, negando ao indivíduo a possibilidade de fuga e acumulando o desconforto visual e auditivo, confirma o sofrimento emocional a que os bovinos são expostos em uma vaquejada”.

Veja também: 13 motivos que mostram que Bolsonaro e seu governo estão sendo ruins para o meio ambiente e para os animais

Anúncios

Um comentário sobre “Eduardo Bolsonaro incentiva lei que regulamenta o uso de equinos em rodeios e vaquejadas no Brasil

  1. Eu odeio quem maltrata os animais.
    Vcs devem ter mais Amor ao bichos ,eles ñ falam p poder pedir socorre e dizer parem de nós fazerem sofrer,vcs são ingratos .Sentimos dor ,cansasso ,angústia e sofrimento q nós leva muitas das vezes a morte.
    Parem com isso.
    Sejam mais coração e menos razão,pense na dor q sentimos.
    Um fia vcs ñ estariam na terra e Deus irá cobrar de vcs homens imundo ,covardes .
    Deus ñ perde um minuto do olhar sobre vcs que maltratam os animais.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s